Ao lado de Renato, Branco Mendes garante recurso contra indeferimento de sua candidatura em Alhandra e afirma: “venceremos”

14 nov 2020

Após a decisão do juiz da 73ª Zona Eleitoral de Alhandra, Antônio Eimar de Lima, que acatou Ação de Impugnação protocolada pela Coligação “Plantando esperança”, que tem à frente o ex-prefeito Marcelo Rodrigues (MDB),  e indeferiu o registro de candidatura do deputado Branco Mendes (Podemos) a prefeito da cidade, o jurídico afirmou que vai recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral e que Branco Mendes continua na disputa.

As ações da oposição de Alhandra questionam a substituição do prefeito Renato Mendes, cujo registro foi indeferido. A coligação alega que só teria ocorrido no dia 26 de outubro, e que o prazo fixado pela Justiça Eleitoral seria dia 25.

“Seguimos firmes para ganhar a eleição de domingo. Somos candidatos e não deixaremos que essas já conhecidas perseguições abalem a vontade do povo e o crescente desejo de vitória. Nosso recurso já está sendo protocolado, o Tribunal Regional Eleitoral haverá de restabelecer a verdade dos fatos e a sua consolidada jurisprudência. Sou ficha limpa, jamais fui processado ou acusado de qualquer ilegalidade. Tenho todas as contas aprovadas e não deixarei, agora, me abalar com essas estratégias sujas dos nossos adversários. Quem tem medo do confronto nas urnas torce pela vitória no tapetão, mas, com fé em Deus, venceremos”, disse Branco.

O jurídico, através do advogado José Edísio Souto afirmou que o deputado Branco Mendes é candidato a prefeito de Alhandra. “Ele reúne todas as condições de elegibilidade e não incide sobre ele nenhuma das hipóteses de inelegibilidade. Exigências da constituição Federal. Já estamos protocolando o recurso e Branco Mendes estará na urna eletrônica e terá seus votos computados. Paralelamente a isso o TER-PB fará justiça ao candidato assegurando a Branco o registro de sua candidatura”, afirmou.

Em vídeo postado nas redes sociais, Branco Mendes, ao lado do sobrinho Renato, pediu que a militância não baixe a cabeça. “Fiquem tranquilos porque nós temos direito para ganhar no TRE”, destacou, pedindo que a população vá às urnas.