Bem vindo ao Alhandra em Foco, 19 de Agosto de 2017
Facebook do Alhandra em Foco Twitter do Alhandra Alhandra em Foco no Youtube Instagram do Alhandra em Foco Zap do Alhandra
20 jul 2017 às 7:00 am

Aposentada suspeita de envolvimento com jogo da Baleia Azul terá equipamentos periciados

Não está comprovado o envolvimento da servidora aposentada da Justiça Federal com o grupo investigado pela operação Aquarius, da Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI) do Rio de Janeiro, que apura envolvimento de suspeitos com o jogo da Baleia Azul. A operação foi deflagrada nessa terça-feira (18) e teve cumprimento de mandado de busca na Paraíba. A mulher não chegou a ficar presa, ela prestou declarações e foi liberada pela Polícia Civil da Paraíba.

“Eu apreendi os objetos e mandei para o Rio de Janeiro, fiz o termo de declaração dela e ela negou. Os equipamentos vão ser periciados no Rio de Janeiro”, afirmou o delegado Allan Terruel, do Grupo de Operações Policiais da Paraíba (GOE). Segundo ele, a Polícia na Paraíba apenas cumpriu o mandado de busca expedido pela Justiça do Rio, mas as investigações correm no Rio de Janeiro.

*Polícia prende mais três jovens acusados de serem curadores do Baleia Azul

A polícia suspeita que a mulher teria o papel de moderadora no jogo da Baleia Azul, que é quem passa os desafios para as crianças.

Uma equipe da Gerência de Tecnologia da Informação (GTI) foi ao apartamento dela. Deve ser realizada a análise de computadores, celulares, memory cards e demais aparelhos eletrônicos apreendidos, para resgatar conversas e outras possíveis provas.

 

ClickPB


Desenvolvido por Ricardo Alexandre