Bem vindo ao Alhandra em Foco, 21 de Setembro de 2017
Facebook do Alhandra em Foco Twitter do Alhandra Alhandra em Foco no Youtube Instagram do Alhandra em Foco Zap do Alhandra
1 set 2017 às 7:26 am

Eleição na Câmara de Sapé: Johni Rocha é reeleito e ficará na presidência até 2020

Logo após a eleição foi implantada uma CPI para investigação na pasta da Saúde, com o voto de 8 parlamentares, o mínimo suficiente para instalação.

Um fato inédito na cidade de Sapé movimentou os bastidores da política local, nesta manhã de quinta-feira, 31, quando da eleição para a presidência da Casa de Augusto dos Anjos, que reconduziu o vereador-presidente Johni Rocha(PSDB) para o biênio 2019/2020.

É que, nunca, um prefeito que tem como parente um presidente do Legislativo, perdeu duas eleições consecutivas – como foi o caso de Sapé, quando na primeira eleição da mesa/2016 foi apresentado o nome de Luiz Limeira (Sobrinho do prefeito Roberto Feliciano) e este perdeu para seu opositor Johni Rocha, numa eleição que chamou a atenção de toda a Paraíba. E agora, o fato se repete, com a reeleição de Rocha, que ficará no poder até o ano de 2020.

Mesmo com a desistência da vereadora Vera dos Anjos na chapa de Johni Rocha, essa que foi devidamente substituída, votaram favoráveis a eleição do atual presidente os vereadores: Nego Simplício(PT), Cibele Cabral(PSB), Elton Serafim(PDT), Robson Guedes(PTB), Wilson Cavalcante(PP), Adriano de Inhauá(PSD) e Arquimedes Natércio(PP).

Após a eleição, um pedido de CPI na área da Saúde foi aprovado com os votos dos mesmos vereadores que votaram pela reeleição do presidente da Câmara Municipal de Sapé.

A chapa vencedora ficou assim constituída: Johni Rocha(Presidente); Wilson Cavalcante (vice-presidente); Robson Guedes (primeiro presidente) e Elton Serafim (segundo presidente).

Logo após a eleição o presidente reeleito agradeceu aos votos dos colegas vereadores e toda a confiança depositada pelo povo de Sapé em seu projeto político e o reconhecimento de seu trabalho à frente do poder legislativo.

Chapa vencedora para o biênio 2019/2020

Conforme revelou Johni Rocha, em tempo hábil estará se reunindo com vereadores para tratar de realinhamento político e ações que possam definir uma nova forma de vislumbrar as questões da política local.

Fenômenos políticos inversos

O que se comenta nos bastidores da política sapeense, através dos mais entendidos nessa área , é que a cidade passa por fenômenos políticos inversos, ou seja, nas últimas eleições municipais o prefeito Roberto Feliciano derrubou um tabu, sendo o único que conseguiu na história política do município a reeleição, quando ocorre justamente o contrário quanto à eleição da mesa – o sobrinho do prefeito perde pela segunda vez a presidência, acendendo-se os holofotes para os ‘fenômenos inversos da política’.

 

PBAgora


Desenvolvido por Ricardo Alexandre