Bem vindo ao Alhandra em Foco, 19 de Agosto de 2017
Facebook do Alhandra em Foco Twitter do Alhandra Alhandra em Foco no Youtube Instagram do Alhandra em Foco Zap do Alhandra
8 ago 2017 às 7:30 am

Ricardo entrega 110 laboratórios de Agroecologia, instalações elétricas e energia solar em 60 escolas

O Governo da Paraíba vai implantar em 60 escolas da rede pública, 110 laboratórios de Ciências Aplicadas em Agroecologia, Instalações Elétricas e Energia Solar, a intenção, de acordo com o governador Ricardo Coutinho, o programa tem como objetivo a formação de mão de obra qualificada com a implantação do ensino técnico nas escolas de Ensino Médio. O projeto foi lançado nesta segunda-feira  (7) com investimento de quase R$ 800 mil.

“O estado com mão de obra qualificada é um estado que vai atrair a atenção enorme para empresas se instalarem aqui dentro”, analisou o governador. Ele ainda ressaltou que o que o Governo está fazendo “é dar continuidade ao processo de trazer para a educação pública a utilização no setor produtivo. Porque se não for dessa forma, a educação perde muito do seu conteúdo, da sua existência”.

O secretário de Educação do Estado, Aléssio Trindade, ressalta que com a instalação dos laboratórios, “os alunos do terceiro ano do Ensino Médio das escolas técnicas vão sair com a formação para fazer a manutenção, instalação e ampliação de instalações elétricas e energia solar”.

Aléssio ainda antecipou que “nós vamos nos articular com a secretária de Infraestrutura para que a gente coloque o kit no local onde há demanda”.

Durante o ato solene de lançamento do programa, o governador garantiu que dará continuidade ao processo de trazer para a educação pública a utilização no setor produtivo, porque se não for dessa forma a educação perde muito do seu sentido.

Ainda segundo o governador, 50 laboratórios de Instalações Elétricas, 50 de Energia Solar e 10 em Agroecologia serão distribuídos de acordo com as demandas de cada região. “A energia solar, por exemplo, é usada na agricultura, nas residências, pequenas indústrias, já a agroecologia tem uma demanda voltada para a produção agrícola e também há uma forte demanda para instalações elétricas. Isso fortalece o vínculo com as empresas porque estamos formando uma mão de obra qualificada para o mercado”, pontuou.

O secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, foi um dos palestrantes do evento e falou sobre o desenvolvimento da Paraíba. “A Paraíba é uma porta aberta para o desenvolvimento. Nos últimos anos, tivemos muitas melhorias na infraestrutura, na segurança hídrica, educação, enfim, evoluímos em várias áreas gerando mais desenvolvimento para o Estado. Este seminário é essencial para discutir o aperfeiçoamento do ensino profissionalizante integrado ao setor produtivo da região. Mostramos na palestra neste evento que o Estado vem sendo preparado para criar os caminhos para o desenvolvimento regional”, ressaltou.

ClickPB


Desenvolvido por Ricardo Alexandre