Bem vindo ao Alhandra em Foco, 23 de Agosto de 2017
Facebook do Alhandra em Foco Twitter do Alhandra Alhandra em Foco no Youtube Instagram do Alhandra em Foco Zap do Alhandra
6 ago 2017 às 6:12 pm

Zé Ricardo fica no cargo, mas reconhece: “Lógico que a insatisfação é grande”

Em entrevista coletiva que durou menos de 10 minutos, o técnico do Flamengo, Zé Ricardo, admitiu a má atuação diante do Vitória neste domingo e a sequência ruim do time. Mas a informação oficial do clube é de que o treinador continua no cargo. Após a derrota por 2 a 0 na Ilha do Urubu, o time deixou o campo sob vaias, e a torcida protestou em frente ao camarote do presidente Eduardo Bandeira de Mello. Na saída, dois carros de jogadores foram cercados, e a Polícia Militar teve de interferir. Zé Ricardo reconheceu a chateação do grupo no vestiário.

– O papo foi com todo mundo, fechamos a nossa corrente. Respeito a torcida, tem de cobrar, buscar felicidade, e ficamos chateados de não dar esse retorno à torcida. Mas a maior chateação é da gente mesmo. Hoje infelizmente não alinhamos performance, nem resultado. Lógico que a insatisfação é grande – disse o treinador.

Zé Ricardo na entrevista coletiva após a derrota na Ilha do Urubu (Foto: Vicente Seda / GloboEsporte.com)

Zé Ricardo na entrevista coletiva após a derrota na Ilha do Urubu (Foto: Vicente Seda / GloboEsporte.com)

No estádio, a maior expectativa depois da partida era justamente para saber o futuro do treinador, que mais uma vez foi muito hostilizado. O presidente e todos os jogadores deixaram a Ilha do Urubu sem falar com a imprensa. Zé Ricardo foi para a sala de entrevista coletiva e, de forma sucinta, falou sobre a reação dos torcedores e a confiança para continuar trabalhando.

– Isso nunca norteou meu trabalho e nunca vai nortear. Tenho as minhas convicções, e continuamos trabalhando em cima de treinamento. Se não tiver confiança, não pode estar num clube como o Flamengo. Encaro sempre as dificuldades como oportunidade de crescimento.

O técnico admitiu que, além do resultado ruim, o rendimento em campo contra o Vitória também ficou muito abaixo do esperado.

– A gente vinha fazendo jogos, e os resultados não aconteciam, mas tínhamos uma performance boa. Hoje não tivemos uma boa atuação e isso foi determinante. É uma sequência ruim, talvez hoje tenha saído um pouco do nosso controle. Olhar para frente e trabalhar – afirmou Zé Ricardo.

Eduardo Bandeira de Mello deixou o estádio sem falar com a imprensa (Foto: André Durão/GloboEsporte.com)

Eduardo Bandeira de Mello deixou o estádio sem falar com a imprensa (Foto: André Durão/GloboEsporte.com)

Sobre as mudanças na escalação e a sequência de jogos, o técnico tentou se justificar e disse esperar uma atuação melhor na quarta-feira, às 21h45, contra o Palestino, pela Sul-Americana.

– Todas as grandes equipes têm esse calendário cheio, lotado. O Rodholfo e o Geuvânio estavam em condições. Vamos juntar os cacos, refletir, para voltar na quarta num nível de atuação acima do que foi hoje. O Rodholfo vinha sendo titular até machucar. Não tem caça às bruxas. Temos de olhar para dentro, para buscar as nossas soluções, e olhar para frente. Temos de descansar, descansar a mente principalmente, para podermos dar a resposta – afirmou.

Zé Ricardo durante a partida contra o Vitória neste domingo (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)

Zé Ricardo durante a partida contra o Vitória neste domingo (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)


Desenvolvido por Ricardo Alexandre