Comissão da diversidade religiosa representa criminalmente vereador de Alhandra

20 ago 2021

O Fórum Diversidade Religiosa – Paraíba em ação conjunta com a Comissão de Direito e Liberdade Religiosa da OAB-PB (COLIRE) , da Associação Religiosa Sobô Nirê Mafá (Instituto Malunguinho É Rei) e do Instituto de Defesa dos Direitos das Religiões Afro-brasileiras (IDAFRO) após receberem a denúncia advinda das comunidades Juremeiras da cidade de Alhandra, de que, em sessão ordinária da Câmara Municipal, o vereador Jeremias Nascimento dos Santos escarneceu de forma intolerante acerca das religiões de matriz africana em especial a Jurema Sagrada.

Após averiguar os fatos e provas apresentadas, montamos uma comissão para representar criminalmente o mesmo.

Nesta quinta-feira (19) a comissão foi até a Delegacia da Polícia Cívil de Alhandra, onde foram recebidos pela Delegada Lumara e demos entrada na representação criminal em desfavor ao vereador.

Em seguida a comissão foi recebida pelo Presidente da Câmara Municipal de Alhandra, o vereador Sargento Val, que reforçou aos presentes que a fala do vereador Jeremias Santos não condiz com a da casa do povo, ressaltando o respeito à liberdade de crença e para a diversidade religiosa, onde desmonstrou indignação ao fato e prometeu tomar algumas ações junto a Câmara sobre o ocorrido.

Reforçamos com o mesmo um pedido para uma audiência pública com o tema Liberdade e Respeito à Diversidade Religiosa junto a seus pares, onde poderemos construir saberes e amizades com a diversidade religiosa de Alhandra, assim como outros projetos.

Notamos assim, que a fala do vereador Jeremias não reflete a maioria de seus pares na câmara de Alhandra, que demostra estar sempre aberta ao diálogo e o respeito a diversidade.

Fórum Diversidade Religiosa-PB