Pesquisa encontra diferença de R$ 15 no botijão do gás de cozinha em João Pessoa

8 out 2021

A diferença no preço do botijão do gás de cozinha na Capital está em R$ 15 para pagamento à vista, registra pesquisa comparativa da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de João Pessoa (Procon-JP) realizada no dia 7 de outubro, com preços entre R$ 95 (Gabriel Gás e Nunes Gás – Bancários) e R$ 110 (Mercadinho Pedro Gondim – Pedro Gondim), uma variação de 15,8% e média de R$ 100,72. Veja aqui a pesquisa completa.

Para pagamento no cartão de crédito, a diferença cai para R$ 12, com os preços oscilando entre R$ 98 (JDS – Colinas do Sul) e R$ 110 (Beto Gás – Valentina e Mercadinho Pedro Gondim – Pedro Gondim), variação de 12,2%, com média de R$ 104,39. O Procon-JP visitou 25 estabelecimentos instalados em 19 bairros de João Pessoa.

Outros preços

Os outros dois menores preços para pagamento à vista foram encontrados a R$ 98 (JDS – Colinas do Sul) e R$ 97 (Josimar Gás – Cristo). A pesquisa constatou que 14 revendedores do produto estão praticando o preço de R$ 100. Para pagamento no cartão, o segundo menor preço está em R$ 103 (Depósito Pecorelli – Jaguaribe e Zé do Gás – Ilha do Bispo).

Pontos de revenda

A pesquisa de preços do Procon-JP foi feita nos seguintes locais: Depósito Pecorelli (Jaguaribe);  Arlete Gás (Manaíra); Zé do Gás (Ilha do Bispo); Casa do Gás (Treze de Maio); Depósito D’Almir (Bairro dos Estados); Britos Distribuidora (Expedicionários); Mercadinho Pedro Gondim (Pedro Gondim); Beto Gás (Monsenhor Magno/Valentina); Gravatá Gás (Valentina I/Boa Esperança); Vando Gás e Água (Mangabeira); Isaquiel Gás (Miramar); Ricardo Gás (Jaguaribe); ADM Gás (Alto do Mateus); Real Gás, Nunes Gás, Bancários Gás e Gabriel Gás (Bancários); Josimar Gás (Cristo), Roberto Gás (Esplanada); Pablo Gás (Valentina); Kiko Gás (Alto Mateus); SOS Gás, André Gás e Flash Gás (Torre); JDS Gás (Colinas do Sul).

Portal Correio