Policiais presos com sintomas de embriaguez são soltos pela Justiça

3 ago 2022

Os três policiais militares presos no último domingo (31) em Rio Tinto, no Litoral Norte do Estado, foram soltos nesta terça-feira (02) durante audiência de custódia. Os militares foram detidos após provocar um acidente de trânsito e se envolverem em uma confusão com moradores.

No ato da prisão, a guarnição, formada por um cabo, um sargento e um soldado apresentava sinais embriaguez. Imagens de monitoramento eletrônico mostraram que os policiais colidiram a viatura com carros que estavam estacionados em frente a residências.

No momento da ocorrência, moradores se revoltaram com a situação e os policiais chegaram a trocar agressões com alguns homens. Uma outra equipe policial que passava pelo local viu a confusão e deu voz de prisão aos policiais.

Eles foram presos e encaminhados para o 4º Batalhão de Polícia Militar, em Guarabira. Segundo o corregedor da Polícia Militar, coronel Márcio Bergson Fernandes, os militares poderão ser expulsos da corporação.

O PM considerou que o caso é um fato isolado, mas todas as medidas cabíveis serão tomadas. “A pena máxima de uma apuração é a exclusão. Eles poderão ser excluídos sim se a investigação apontar para isso”, explicou.

MaisPB